Sites Grátis no Comunidades.net
Crie seu próprio Site Grátis! Templates em HTML5 e Flash, Galerias em 2D e 3D, Widgets, Publicação do Site e muito mais!

Gatos


Esse site foi inspirado nuns bichinhos chamados \\\\\\\"GATOS\\\\\\\",curiosidades ou informações ou até mesmo sugestões para o site,reclamaçoes ou elogios,o espaço é seu,made o que quiser,mande uma mensagem nesse e-mail:je.santos33@yahoo.com.br Você tem um gato?Que bom.Quer que ele seja a capa da semana?Mande um e-mail pra gente com o seu nome inteiro,e seus dados(cidade,estado,idade e só)e a foto dele e os dados do seu bichano,se houver mais do que uma pessoa,iremos fazer votaçoes.Aproveite!!!
Total de visitas: 195692
O assunto é gato

Aprenda tudo sobre esses fantasticos animais.


1º>>>Artigos
Caes e gatos vivendo numa boa
Você quer ter um cãozinho e seu irmão um gato. Hum... será que isso é possível?
É sim. É só ter alguns cuidados.
A Graça, nossa entrevistada de hoje, fez isso na casa dela e deu certo.
Os animaizinhos convivem juntos há anos, e os que foram chegando depois, também se acostumaram. Aliás, ela montou um clube da Luluzinha, pois seus animais são todos fêmeas: 3 gatas siamesas(Xula, Tininha e Bibi) e 4 cadelas (Brenda, Keti, Dami e Fly).
O mais impressionante, é que além de estarem reunidas espécies de bichos diferentes, ainda existe a mistura de raças das cadelas, mais ainda assim, tudo vai muito bem, obrigado!
Isso prova que cachorros e gatos não precisam ser inimigos. Se eles são, desde filhotes, colocados para conviverem com outros animais, eles se acostumam com isso, diz Graça.
É lógico que "pinta" por parte deles, um ciúme da dona, de vez em quando. Mas nada que não possa ser contornado. Quando a Graça vê que uma cadela está passando um pouco dos limites, ela manda a cadela ficar sentada em uma cadeira, no quintal de sua casa, até que ela dê a ordem de saída do castigo. E o mais impressionante... é que todas as "mocinhas" obedecem na hora!

Entendendo seu gato

Os gatos se utilizam na maioria das vezes, da linguagem corporal para dar suas mensagens. O que acontece é que um felino consegue entender perfeitamente o que o outro quer dizer, com um simples movimento na cauda ou uma leve mexida no bigode, mas seus donos não. Por causa disso, tem muita gente que não se dá bem com o gato como animal de estimação, pois acham que eles são traiçoeiros ou falsos. Mas tudo isso pode ser apenas uma má interpretação do dono por não saber reconhecer tanto os sinais do corpo como da voz dos felinos.
Daremos algumas dicas para você entender o que o seu gatinho está sentindo, pois isso é que causará o sucesso da comunicação entre vocês e tornará a convivência amistosa e feliz.

Arqueando as Costas
Ele dá a impressão de ser maior do que é. Geralmente quando faz isso, também eriça os pêlos, fazendo com que ele pareça ainda maior. Isso pode apavorar o inimigo ou algum intruso e acaba sendo um sinal de "saia já daqui"!

Se Escondendo
Os gatos se escondem simplesmente porque isso faz parte da sua natureza. Ele pode fazer isso tanto para poder atacar, como para se esconder mesmo de alguém maior do que ele.

Empurrando e abraçando
É comum, principalmente nos filhotes ficarem com as cabeças encostadas e ficarem se empurrando ou fazendo brincadeiras provocativas. Eles não estão brigando, estão se divertindo.
Isso torna a personalidade deles bastante alegre e são gestos importantes para desenvolver a personalidade deles.



Miados e cauda ereta
É bom atendê-lo logo. Ele está com pressa e não quer mais esperar por algo que pode até já ter demonstrado e ninguém notou. Pode ser a comida, a porta fechada que ele não está acostumado, a água etc.

Cauda balançando
A cauda em leve movimento indica aborrecimento. Observe o que pode estar causando isso.

Sinais de Ameaça
Se o gato estiver com as pupilas dilatadas, a boca aberta mostrando os dentes e emitindo um som forte, isso é um sinal de ameaça que ele está dando. Dificilmente ele faz isso para um humano, a não ser que seja demasiadamente provocado. Ele está com medo e por isso reage dessa forma.

Quando está despreocupado e sem medo
Se tiverem felizes e relaxados, os gatos demonstram isso fechando um pouco os olhos. As orelhas ficam mais voltadas para a frente e às vezes até emitem um ronronar.



Bigodes inclinados para a frente
Mau sinal. Ele está mal humorado. Junto com esta expressão, pode ainda ficar com as orelhas eretas dobradas para trás, o que significará que está ficando raivoso. Nessa hora, as pupilas costumam ficar contraídas (quase que dando um ar franzido ao rosto)

Quando está com fome
Geralmente ele fica sentado, o rabo abaixado,e o pescoço fica erguido e esticado. Mia tristemente para alguém atender o seu pedido. Já os filhotinhos quando estão com fome, choram muito parecidos com os bebês. Ele vai chorar se sentir fome, frio e até se estiver longe da mãe.

Demarcando o território
Os gatos demarcam o território se apoiando no objeto que pretendem marcar e com a cauda tremendo, esguicham a urina para trás. Não é um jato como quando estão esvaziando a bexiga.
Ele arranha os sofás e cadeiras dentro de casa para que suas marcas sejam vistas por todos. Mesmo fêmeas e machos castrados podem lançar jatos de urina.



Se esfregando em você
O gato quando se esfrega em você não está só demonstrando carinho, como muita gente pensa. ele está transferindo o odor do seu corpo, reivindicando você como parte de seu território.

Quando deita e rola
È porque está feliz e tranqüilo.

Os sons que emitem
Os miados, chamados também de sons vocálicos, são usados nos pedidos e reclamações.
Os murmúrios (ronronar), são usados em saudações e para mostrar contentamento.
Os de alta intensidade, são o gemido de irritação, o guincho de medo e dor, o sibilo e o miado de acasalamento da fêmea. São sons altos e nem um pouco discretos.

Hora do Banho

Gatos
Os gatos têm menor necessidade de banho, pois costumam se lamber, cuidando da própria limpeza.. Mas isso não quer dizer que não precisem de banho, como muita gente pensa. Apesar de eles não gostarem muito de água, o banho é imprescindível.
Todo cuidado é pouco, pois na tentativa de fugir do banho eles podem dar uns bons arranhões.
As unhas devem ser aparadas semanalmente, já que são mais fáceis de cortar do que a dos cães. Isso evitará que ele estrague os móveis de dentro de casa.
Outro cuidado importante é tapar as orelhas com algodão para evitar que entre água, causando otite.

Cães
Os cães devem tomar banho uma vez por semana, mais do que isso, você vai estar tirando a proteção natural da pele dele e, menos do que isso, vai deixar sua casa inteira com cheiro ruim.
Os cães costumam manter as unhas aparadas, se estão acostumados a passear na rua, mas ainda assim é preciso cortá-las, e isso só deve ser feito por quem entende. O ideal é levá-lo ao veterinário para cortar as unhas.
Mesmo que seu cão tenha pêlo curto, você deve escová-lo. Caso tenha pêlos longos a escovação é necessária para tirar os nós que se formarão naturalmente e para deixá-los macios e com brilho.

Recomendações Gerais
Usar sempre sabonete neutro.
Os produtos contra pulgas ou carrapatos, somente devem ser usados com recomendação do veterinário, para não intoxicar o animal.
Os bichos devem tomar banho na hora mais quente do dia.
Após o banho, secá-los bem. O uso do secador é recomendado.
Os animais devem ser acostumados desde cedo, a terem os seus dentes escovados. Os cremes dentais usados por nós não podem ser usados por eles.
Nos pet shops serão encontrados produtos apropriados para cães e gatos.
A limpeza dos ouvidos só deve ser feita pelo veterinário. O cotonete só é indicado para a higiene da orelha, ouseja, externamente.

4ºMeu gato esta envelheçendo

A média de vida de um gato é de 15 anos, mas alguns vão além disso. Conforme vai envelhecendo, seu temperamento também muda.

Outras alterações pdem ocorrer, por isso, esteja preparada para essas mudanças e ajude seu gato a envelhecer bem.

O que acontecerá com ele.

O cérebro dele trabalhará de forma mais lenta, portanto suas reações também serão lentas.

Nessa fase, podem ocorrer alguns acidentes, justamente pelo seu reflexo estar vagaroso.

Outra coisa muito comum, é que com o envelhecimento, os gatos costumam voltar aos seus instintos naturais e desaprender o que lhe foi ensinado. Alguns deles ficam mais ariscos, outros mais dóceis e carinhosos.

Os pêlos irão ficar bagunçados e até desiguais em alguns pontos. O apetite na maioria diminue, portanto, é mais raro encontrar gatos gordos quando estão mais velhos.

Como deve ser tratado?

A melhor forma de tratar seu gato na velhice é com muita paciência e não forçando-o a fazer nada que não queira. Se ele se chegar para ganhar um carinho, receba-o bem, mas caso não manifeste a vontade de ser acariciado como antes, deixe-o sózinho.

A alimentação deve também ser modificada, já que ele não precisará mais de tantas proteínas, pois sua energia também estará menor, assim seus rins terão um melhor funcionamento.

À medida que o bichano envelhece, sua visão começará a falhar, mas o mesmo prazer que você tinha em estar com ele, continuará existindo, ainda que ele esteja andando de "bengala".

Musica Pra gato dormir

Você não agüenta mais correr atrás do seu gato? Está cansado de vê-lo pulando de um sofá para o outro? Acha que ele anda muito irritadiço e arisco?

Talvez seus problemas tenham terminado. Se sua a vontade é acalmar o gato, a solução chegou. Como já existem há anos para os bebês, uma música foi feita especialmente para tranqüilizar seu bichinho.

O especialista em comportamento de animais Hermann Bubna-Littitz disse que a música, criada por produtores do site alemão Petsandmusic http://www.petsandmusic.com , consegue aquietar os gatos e deixá-los num estado dócil e relaxado.

"Nós podemos provar, com estatísticas garantidas, que nossos gatos procuram os alto-falantes quando nós tocamos essa música... E a tendência é a diminuição dos comportamentos agressivos", explicou ele, que também é professor de Veterinária na Universidade de Viena.

O CD "Music for Cats and Friends" foi produzido com versões eletrônicas de "Moonlight Walk", "Endless Time" e "Coming Home". O preço do CD é de cerca de 19,21 dólares.

O seu gato é um bichano esperto.(faça o teste)

Todos nós sabemos que os gatos são observadores e aprendem tudo com muita rapidez.

Tem felino que consegue abrir porta, janela e até apagar ou acender a luz no interruptor, só de ver seus donos fazendo a mesma coisa todos os dias, e lembram-se de tarefas cotidianas melhor do que seus donos. Também são excelentes estrategistas quando o assunto é capturar uma presa. Sabe-se de gatos que levam migalhas de pão para o jardim com a finalidade de atrair passarinhos e depois ficam escondidos por perto até o momento certo de atacar.

Este teste vai medir alguns dos atributos auditivos e visuais do seu gato, além do comportamento social e doméstico. Ele não é cientificamente exato, mas queremos muito mais que você se divirta fazendo o teste do que tome uma decisão precipitada a respeito dele, depois de ver o resultado.

Escolha apenas uma resposta para cada pergunta e depois faça a contagem de pontos.

Vamos lá!

1) Quando você está conversando com alguém ao telefone, o seu gato:

a) pensa que você está falando com ele.
b) começa a brincar com o fio ou com o aparelho
c) percebe que você não está conversando com ele e fica olhando como se dissesse:"pare de conversar"
d) não mostra qualquer reação à conversa.

2) Seu gato está de frente para a televisão quando na tela surgem pássaros voando. Ele:

a)não reage ao que passa na tela.
b) cai no sono
c) observa os pássaros voarem pela tela, depois olha atrás do aparelho de TV, querendo descobrir para onde foram.
d) tenta "atacar" os pássaros.

3) Como é o seu gato no cálculo de distâncias, quando decide pular para o peitoril da janela ou para cima da mesa?

a) muito hábil, nunca erra
b) em geral, muito bom, embora tenha calculado mal algumas vezes.
c) não sei, porque meu gato não se dá ao trabalho de pular para lugares altos.

4) Quando você leva o gato ao veterinário, como ele se comporta?

a) com muita apreensão. A simples menção da palavra veterinário, é suficiente para que saia correndo.
b) fica assustado e aflito, mas apenas quando reconhece o consultório.
c) mostra-se confuso e contrafeito, mas não assustado
d) fica agressivo e pronto para atacar quando o veterinário aparece.

5) Se o seu gato está perto de uma porta ou janela e ouve um barulho estranho do lado de fora, é bem provável que:

a) tente sair para descobrir o que é o barulho.
b) fique onde está, mas com a atenção voltada para o barulho
c) ensaie uns passos em direção à porta ou janela.
d) fique assustado e fuja à procura de um esconderijo

6) Quando um estranho visita sua casa, seu gato:

a) age defensivamente ou de maneira hostil
b) recebe o visitante com entusiasmo, na esperança de ser afagado
c) mal olha para o estranho
d) fica amistoso se o estranho começa a comer

7) Se o seu gato fosse alimentado perto de outro gato, ele:

a) ignoraria o outro e comeria a própria comida
b) iria para a tigela do outro e comeria o quanto pudesse
c) além de se apoderar da tigela do outro, também ficaria de olho na sua, para que o outro não comesse
d) não comeria na presença de outro gato

8) Como seu gato lhe avisa que quer passar por uma porta fechada?

a) arranha o chão com delicadeza
b) senta-se à porta e mia
c) é raro que precise, pois sabe abrir a maioria das portas sozinho
d) senta-se em silêncio, de frente para a porta, esperando que ela se abra milagrosamente

9) quando você brinca com o seu gato, por quanto tempo, em média, ele mantém a atenção?

a) menos de cinco segundos
b) até dez segundos
c) cerca de 30 segundos
d) até achar que venceu o jogo, ou quando você desiste

10) O que seu gato faz com as cordas da cortina e outros objetos suspensos da casa?

a) ataca-os
b) joga-os para a frente e para trás
c) amarra-os com nós
d) ignora-os

Contagem de pontos

Depois de somar os pontos, verifique a tabela para ver como o seu gato se classifica entre a população de felinos domésticos – representada por uma amostra de mais de 65 gatos.

1. a=3, b=2, c=4, d=1
2. a=2, b=1, c=4, d=3
3. a=3, b=2, c=1
4. a=4, b=2, c=1, d=3
5. a=4, b=3, c=2, d=1
6. a=3, b=2, c=1, d=4
7. a=2, b=3, c=4, d=1
8. a=2, b=3, c=4, d=1
9. a=1, b=2, c=3, d=4
10.a=3,b=2, c=4, d=1

Tabela de Classificação

Pontuação Categoria Porcentagem de gatos mais dotados do que o seu

10-11 alegremente ignorante 97%
12-17 às vezes bastante inteligentes 73%
18-24 na média 50%
25-30 acima da média 35%
31-37 muito esperto 22%
38-39 possivelmente mais talentoso do que você 3% ou menos

O seu gato precisa arranhar

O ato de arranhar é uma atividade felina altamente saudável
e faz parte da essência de qualquer gato.
Da mesma maneira que o gato se lambe todo, no intuito de
higienizar-se (o tão conhecido "banho de gato"), ele também precisa arranhar para que suas unhas sejam aparadas.

Há dois motivos principais para o seu gatinho ou gatinha arranhar.
O primeiro motivo é a de se defender, o segundo é a remoção das capas velhas de unhas.
As unhas dos felinos nunca param de crescer.
Ao crescerem, as unhas formam uma espécie de bainha escameada.

Essas películas incomodam os gatos e as gatinhas, portanto, ocorre a necessidade natural de arranhar.
Dessa maneira, os felinos aliviam a sua iriitação...
E, de repente, lá está o gato arranhando o sofá novo da sala, os pés da mesa de jantar, as cortinas da sala de visitas e, muitas vezes, as paredes de seu quarto, as portas do banheiro, etc, etc, etc...

Mas, lembre-se, faz parte da natureza de todo felino...
Considerando, então, que o seu gato precisa e vai arranhar alguma coisa, é muito conveniente ensiná-lo, ou melhor, educá-lo a arranhar alguns objetos específicos, facilmente encontrados em lojas para animais (Petshop), conhecidos como "Arranhadores Para Gatos".

Há uma infinidade de produtos à disposição,
dos mais variados tipos e dos mais variados preços...
Há arranhadores de carpete, de sisal, de madeira, de papelão...
Portanto, é preciso estar atento antes de escolher o "melhor" arranhador para o seu gato ou para a sua gatinha...

Como regra principal, o seu gatinho tem que "gostar" do objeto escolhido, ou seja, o gato tem que ser atraído pelo arranhador, e a maneira mais eficaz disso acontecer é através de um dispositivo muito prático, conhecido como CatNip, a erva do gato.

Essa erva, o CatNip, possui um princípio ativo chamado nepetalactone, que atrai os felinos...
É só esfregar a erva no arranhador para que o seu gato comece, imediatamente, arranhar o local desejado.
Os gatos são atraídos pelo CatNip e iniciam o ato de arranhar e como animais perceptivos e inteligentes que são, rapidamente compreendem que, ao arranharem, as suas unhas são aparadas, aliviando a irritação...
Pronto, o seu gato está ensinado a arranhar aquele determinado local.

Toda vez que o felino se sentir irritado com o crescimento de suas unhas, ele naturalmente irá arranhar o "Arranhador" que você escolheu.
E, caso isso não aconteça, esfregue mais um pouco de CatNip no local para atraí-lo...
Logicamente, quando for escolher o "Arranhador Para Gatos", dê preferência para aqueles que, comprovadamente, possuem a erva CatNip.

Da mesma maneira que seu gato se acostuma com o local
para fazer suas necessidades fisiológicas (xixi e cocô), na bandeja de areia, é importante escolher um local definitivo para ser colocado o "Arranhador", pois quando ele precisar, vai achar facilmente...

Os "Arranhadores Para Gatos" não foram feitos para durarem para sempre, pelo simples motivo de que com o passar do tempo (e dos arranhões) eles se desgastam e se impregnam de sujeiras e cheiros, fazendo com que os felinos passem a repugná-los...

Quando notar esse comportamento, é hora de trocar, para a felicidade e saúde de seus amiguinhos.
E de sua mobílias, paredes, cortinas, carpetes, etc...

Problemas com a pele de gatos e ou caes de cor branca

Se as orelhas e nariz estão sem pêlos, com escamação forte, isso é sinal de um mal da pele que afeta mais os cães e gatos brancos: a dermatite actínica. A pele, por ter pouca melanina, é afetada pelo sol - um pigmento negro que a protege dos raios solares. Mas atenção, não confundam o animal branco com o albino. No animal albino, a ausência de melanina é total, percebida pela cor clara do nariz, lábios e contorno dos olhos, rosada em vez de escura, o que aumenta mais o risco de pegar a dermatite.

Evolução da Dermatite
No cão, as lesões ocorrem nas superfícies dorsais, na face, nas narinas, pálpebras, áreas despigmentadas do plano, lábios e tronco.
As áreas predispostas são a pele despigmentada e escassamente revestida por pêlos, no flanco e parte central do abdômen de cães brancos ou parcialmente brancos, particularmente, Dálmatas e Bull Terrier brancos.
Nos primeiros estágios ocorre eritema com perda de pêlos, formação de crostas e ulceração no assoalho das narinas.
As lesões aumentam e progridem especialmente em regiões de climas quentes e no verão.
As lesões no tronco ocorrem em cães que passam longos períodos deitados sobre um dos lados, tomando banho de sol. As áreas despigmentadas, passam a apresentar queimaduras solares crônicas, com eritema, descamação e espessamento da pele.
As áreas pigmentadas não são afetadas.

Sintomas
1) O espessamento da pele, 2) a ausência de pêlos, 3) uma escamação forte, 4) pele avermelhada, 5) formação de coceiras, 6) queimaduras, 7) bolhas e 8) nódulos.

Tratamento
As feridas com sangramento e que não cicatrizam, sinalizam uma evolução para câncer de pele, por isso, é preciso muita atenção. A prevenção é impedir o contato com o sol e passar, duas vezes ao dia, uma loção protetora com fator solar 25ou 30, que as próprias farmácias de manipulação preparam. Caso o problema apareça, o correto é levar o animal no veterinário para que se inicie o tratamento com o objetivo de evitar que se agrave, já queo câncer não tem cura e pode levar o cão ou gato à morte.

UAHH que sono!!!

Você sabia que seu gato passa cerca de 16 horas dormindo? É verdade. O gato dorme duas vezes mais do que a maioria dos mamíferos.

Geralmente escolhem lugares seguros e aconchegantes para dormir, por isso adoram dormir na cama de seus donos.

Outra curiosidade é sobre a qualidade do sono do gato. Logo que o gato fica sonolento, ele entra num estágio de sono leve e, nesse estágio, ele é facilmente despertado. No máximo 30 minutos depois desse estágio, ele entra em sono profundo. Após uns 7 minutos de sono profundo, ele volta ao sono leve novamente e esse ciclo ficará se repetindo. Mas você saberá quando ele está num sono profundo ou simplesmente com o sono levinho.

Se estiver de olhos abertos ou semi cerrados, ainda está em posição de alerta e atento a tudo à sua volta, mas se estiver de olhos bem fechados, é porque se sentiu seguro e dorme tranqüilo um sono profundo e provavelmente estará sonhendo como nós.

Outro ritual que os gatos apresentam é quando acordam. Eles bocejam, se espreguiçam e se lambem.

Os bocejos servem para esticar a musculatura da mandíbula e esse gesto é um sinal de que está acordando calmamente.

A espreguiçada serve para reanimar a circulação nas extremidades e para reestimular o sentido do tato.

As lambidas servem para se lavar após a soneca, afinal, nós humanos também nos lavamos quando acordamos, não é?

Vai comprar um gatinho(a)

Se você for comprar um gato de um Gatil, você deve conhecê-lo, por isso, não dê credibilidade aos locais que não deixam você entrar para conhecer as instalações.
O lugar deve ser limpo, com espaço, que receba luz solar e seja arejado.
Gaiolas nem pensar!
A maternidade deve ser separada das demais acomodações, e deve haver lugares apropriados para machos e fêmeas acasalarem, permitindo assim um perfeito controle.
Para uma boa escolha, siga alguns cuidados básicos.

A decisão
A outra decisão é se você vai optar por um felino com pedigree ou se isso não está em questionamento.
Se for com pedigree, você deve conhecer os pais do filhote e saber onde vivem. Isso é fundamental para ter certeza que está adquirindo um gato em boas condições.
Às vezes,o comprador não pode visitar o Gatil por ser em outra cidade, nesse caso, você deve procurar o Clube do Estado do Gatil e pedir todas as orientações possíveis.
Feita a escolha e tudo acertado, você deve saber que na maioria das vezes os pedigrees não estão prontos na hora da compra. Isso não terá problema se você pedir uma cópia dos pedigrees dos pais dos filhotes. Além disso, pedir ao Gatil um contrato de compra e venda para ter mais segurança.

A Saúde
Na compra, você deve observar o pêlo, que deve estar brilhante e não descamado, o abdomen não deve estar distendido, os olhos não devem ter secreção e o nariz não pode estar escorrendo.
Os pelos devem ser observados também para ver se não estão com pulgas, carrapatos ou piolhos. Alguns veterinarios pedem para verificar toda a ninhada, inclusive os pais, caso estejam juntos dos filhotes.
É preciso verificar se ele já tomou a primeira dose de vacina e se as fezes não estão aderidas na região perineal, o que indica quadro de diarréia.
Outra recomendação é saber se o Gatil possui sorologia negativa para PIF/Felv e Fiv, pois essas viroses são letais.

Comportamento
O temperamento do gato é fácil de ser visto, devido ao seu comportamento. Um gato saudável é curioso e ativo. Ele se mostra seguro e carinhoso na presença de outras pessoas. Portanto, quanto mais ativo, mais saudável. Um gato demasiadamente assustado indica que não foi socializado corretamente o que causará algum trabalho.
Outra forma de fazer uma boa escolha é que com ou sem pedigree, o mais importante ao adquirir um gatinho, é levá-lo a um veterinário de confiança, para que o felino seja avaliado e você possa desfrutar dessa companhia em tempo integral.










Criar um Site Grátis   |   Crear una Página Web Gratis   |   Create a Free Website Denunciar  |  Publicidade  |  Sites Grátis no Comunidades.net